11 de junho de 2012

Kung Fu, Homem de Ferro e Sherlock Holmes



Robert Downey Jr. e o Si Fu Eric Oram
Pois é, mas para quem não sabia o ator Robert Downey Jr, treinou o estilo wing chun de kung fu e aplicou o que aprendeu nos filmes Homem de Ferro e Sherlock Holmes. Em virtude disto, seu Si Fu Eric Oram, está conquistando uma nova legião de fãs deste grande estilo difundido por Ip Man.


“Um chicote se move em direção ao ponto onde sua mente foca. Se sua mente não foca, o chicote também não moverá em direção ao alvo. Esta comparação representa como a mente funciona: relaxar em meio a intensidade não trazendo tensão à intenção.” diz Eric Oram que tem como objetivo não somente preservar a arte do wing chun mas também promovê-lo na sua forma mais pura.

William Cheung e Bruce Lee
“Pela primeira vez o wing chun faz parte de uma grande produção ocidental, com uma grande estrela e com um grande investimento.” observa Oram que treina com o Grão-mestre William Cheung (colega de treino do famigerado Bruce Lee em Hong Kong).

Downey Jr. conheceu o Si Fu Eric Oram quando treinava diretamente com o Grão-mestre William Cheung há 20 anos atrás. “Quando Downey veio falar comigo pela primeira vez, marcamos um treino e pensei que ele seria muito difícil e intenso” lembra Oram que ficou 6 meses na Inglaterra para coreografar os filmes de Sherlock Holmes. “Eu disse a ele: ’Você não vai conseguir treinar durante muito tempo. Você não tem disciplina. Você é um ator.’” Porém, Robert insistiu e Oram aceitou: 10 aulas para checar se o astro de Hollywood realmente pularia quando o Si Fu ordenasse.

“Tem sido uma constante e prazerosa surpresa.”, diz Oram em relação à tenacidade do ator. “Não importa o quanto eu o derrube, o quão forte eu o bato. Eu consigo o deixar inconsciente, mas não o nocautear.”




Juntamente com as costas luxadas, articulações torcidas e hematomas nos braços, Oram deixou Downey com os dois olhos roxos. Inclusive, o ator foi a uma premiação de gala (presentou a esposa do Sting, Trudie Styler) usando óculos escuros devido a sua aparência.

O wing chun deu forma ao físico e a mentalidade da estrela hollywoodiana. “Com o primeiro Homem de Ferro, ele teve de estar mentalmente e fisicamente preparado para a entrevista. Intensificou seu foco e sua força levando-o à audição do filme. Primeiramente, a Marvel não o via como um herói de ação, mas ele ganhou o papel.” Durante as filmagens deste filme, o Si Fu Oram permaneceu nos bastidores e, durante as pausas, a dupla treinava para manter o pico de foco e energia do ator.

Si Fu Eric Oram
As franquias Homem de Ferro e Sherlock Holmes atraíram mais celebridades para o wing chun. Jake Gyllenhaal e Christian Bale já foram flagrados saindo da academia do Si Fu Oram. “Robert é um amigo, mas ele é um estudante acima de tudo. Quando as celebridades aparecem na minha academia, não me sinto intimidado. Os egos podem ser um pouco inflados, mas ou rapidamente ajustam suas atitudes ou simplesmente desistem.”

Aos 11 anos o Si Fu Eric Oram começou a treinar karate e, 3 anos depois, começou suas aulas de wing chun kung fu. “Eu assisti Operação Dragão e não pude acreditar com um pessoa tão pequena poderia ser tão explosiva e tão poderosa.”. Aos 15 anos, já estava tendo aulas exaustivas com seu grão-mestre William Cheung que o via com um estudante fraco e sem autoconfiança. Mas, mesmo assim, se recusou a pegar leve com seu jovem estudante.

Grão-mestre William Cheung
“Eu mal podia levantar meus braços. Mas, meu mestre, continuava gritando para que eu não parasse e continuasse o treino até que eu disse ‘É muito fácil você dizer isto...’”. Oram se lembra até hoje da expressão de seu mestre e nunca se esqueceu de seus dizeres: “Ou você acredita, aqui e agora, que você é o mestre que você se tornará ou não há sentindo em continuar treinando.”

As lições que o Si Fu Eric Oram aprendeu quando era um jovem estudante estão sendo muito bem praticadas pela próxima geração deste grande estilo de kung fu. “Lembrem-se do ditado ‘Uma faixa preta é uma faixa branca muito bem usada.’”.

Confira no vídeo abaixo Nicholas Cage no filme "Perigo em Bangkok" ensinando wing chun à um rapaz assim como o depoimento de Robert Downey Jr. em relação à este grande estilo de kung fu. A resolução e a edição do vídeo não está das melhores, mas vale a pena assistir! =D



Fonte: insidekung-fu.com